fbpx

F1: Hamilton vence no Catar e reduz diferença para Verstappen

catar
Usando capacete em apoio à comunidade LGBTQIA+, Lewis Hamilton conquista a sua vitória de número 102 na Fórmula 1. Foto: F1.com
  • Depois da vitória no Brasil, Hamilton fez a pole e venceu no Catar

  • Com o resultado do fim de semana a briga pelo título está ainda mais acirrada e a diferença entre Verstappen e Hamilton é de apenas 8 pontos. Faltam duas corridas para o encerramento da temporada

  • Fernando Alonso foi o terceiro colocado, e voltou para o pódio depois de sete anos

A pista no Catar marcou sua estreia no calendário da Fórmula 1 neste fim de semana. Embalado pela vitória no Brasil, Lewis Hamilton conquistou a pole position no sábado e no domingo, manteve a liderança e a distância para o rival Max Verstappen. Com o resultado da etapa, a diferença entre os dois passa a ser de oito pontos e agora, faltam duas provas para conhecermos o campeão da temporada 2021.

E teve punição também no Catar. Dessa vez, foi Max Verstappen que perdeu cinco posições no grid de largada. O holandês não respeitou duas bandeiras amarelas durante o treino classificatório de sábado. Durante o Q3, Pierre Gasly teve um furo no pneu e a direção de prova acionou a bandeira amarela. Sem reduzir a velocidade, o piloto da Red Bull, que iria largar em segundo, acabou largando em sétimo.

Que largada do Max!

De sétimo lugar, Max Verstappen poderia ter terminado a primeira volta em segundo, mas Fernando Alonso não deu passagem e o holandês pulou de P7 para P4 no início da prova. O piloto superou Pierre Gasly, francês da Alpha Tauri, equipe ‘irmã’ da Red Bull, e depois foi a vez de passar Fernando Alonso.

Em segundo lugar, Verstappen começou uma briga pela volta mais rápida com Lewis Hamilton. Um se superava e outro cravava o melhor tempo e com isso, a distância entre os dois pilotos foi se mantendo e em nenhum momento das 57 voltas eles estiveram próximos.

Companheiro de Hamilton, Valtteri Bottas não fez uma boa largada. O finlândes também foi penalizado por não respeitar a amarela durante o Q3 no classificatório de sábado, mas acabou tomando uma penalização de três posições e largou em sexto. No início da prova, ele caiu para o décimo primeiro lugar, e ainda precisou de uma “forcinha” de Toto Wolff pelo rádio para voltar para a prova.

Depois do pedido do chefe da Mercedes, Bottas ganhou posições e chegou a ocupar o quarto lugar, resultado importante para a briga do campeonato de construtores. Contudo, o pneu do finlândes não resistiu. Mais um furo no fim de semana e Bottas fora da pista, ele até conseguiu voltar e se arrastar para os boxes. O detalhe é: ele era o único que não tinha ainda trocado pneus na prova.

A corrida foi bastante movimentada do terceiro para trás, a reta dos boxes possibilitou diversas ultrapassagens e deu ao público presente e aos espectadores uma boa corrida, mas claro, nada como o que foi visto em Interlagos.

Sem Bottas e sem Perez pelo terceiro lugar, Fernando Alonso, guiando na ponta dos dedos, conseguiu o primeiro pódio dele com a Alpine e o primeiro na volta para F1. Festa espanhola com direito a “Olé” no rádio. E o príncipe das Astúrias foi eleito o Piloto do Dia pelos torcedores no site da categoria.

Bottas e Latifi acabaram abandonando a corrida, o piloto da Williams também teve um furo no pneu, assim como seu companheiro de time, George Russell.

O resultado do fim de semana deixou a briga pelos campeonatos, de pilotos e de construtores, mais acirrados. A diferença entre Verstappen e Hamilton caiu para oito pontos e, foi para quatro a distância entre as equipes, com a liderança para a Mercedes.

A próxima corrida acontece no dia 5 de dezembro e marca a estreia do Grande Prêmio da Arábia Saudita.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?