fbpx

Flamengo é octacampeão brasileiro 

Mesmo perdendo para o São Paulo, Flamengo conquista o Brasileirão pelo segundo ano seguido. Empate emocionante entre Corinthians e Internacional colabora para o triunfo

Flamengo comemorando o título de campeão brasileiro de 2020

Ontem (25), o Clube de Regatas do Flamengo tornou-se octacampeão brasileiro e, ao mesmo tempo bi, pois também levantou a taça do torneio em 2019. Para ser campeão, o Mais Querido dependia dele mesmo, ou seja, de uma vitória em cima do São Paulo. Porém, em caso de derrota ou empate ficaria a mercê do resultado do jogo entre Internacional e Corinthians, no Beira Rio. Em caso de tropeço do rubro-negro e triunfo dos gaúchos, o título iria para o Sul.

O Flamengo teve uma noite pouco inspirada contra um São Paulo defensivo, mas fatal nas oportunidades que teve de liquidar o jogo. O tricolor contava com as ausências de Reinaldo e Léo Pelé, dessa forma, optou por jogar com três zagueiros numa nova formação, já com o dedo do novo treinador: Hernan Crespo.

Primeiro tempo

Os cariocas estavam bem na primeira etapa, marcavam pressão na saída de bola do time paulista e teve sua melhor chance criada aos 40 minutos. Arrascaeta cobrou escanteio, Bruno Henrique desviou de cabeça e a bola sobrou no segundo pau onde Gabigol não alcançou a bola.

Contudo, “quem não faz leva”. Aos 47 minutos, Everton Ribeiro derrubou Tchê Tchê na entrada da área. Luciano e Daniel Alves se posicionaram para a cobrança. Mas, aparentemente, Hugo posicionou a barreira esperando o chute do camisa 10 e não foi o que ocorreu. Luciano finalizou com força no contrapé do goleiro que não conseguiu se recuperar no lance. O são paulino com o tento se juntou a Claudinho, do Red Bull Bragantino, na artilharia do Brasileirão com 18 gols.

Segundo tempo

Não querendo depender do resultado do jogo no Beira Rio, o Flamengo foi com tudo pra cima do São Paulo em busca da virada. Com isso, Gabigol tentou uma bicicleta apos cruzamento de Filipe Luís já no primeiro minuto. Entretanto, o gol viria aos cinco. Arrascaeta cobrou escanteio, Gustavo Henrique escorou para Bruno Henrique empatar o jogo no Morumbi, de cabeça.

Contudo, a alegria durou pouco. Aos 13, Hugo Souza errou na saída de bola e entregou a bola no peito de Daniel Alves. O craque dominou no peito e lançou a bola para Pablo, que mandou por baixo das pernas do arqueiro. 

Com 20 minutos da segunda etapa, Gabriel saiu para a entrada de Pedro. O artilheiro do Flamengo saiu com uma lesão na coxa. O “artilheiro reverência” entrou querendo jogo e no seu primeiro toque na bola criou uma boa situação para Bruno Henrique. Depois disso, o rubro-negro parecia ter se cansado depois da intensidade imposta no primeiro tempo. O São Paulo aproveitou e ganhou mais vida no jogo trocando passes mais próximos a área. 

Aos 45, Bruno Henrique driblou Volpi, que se recuperou na jogada e fez bela defesa após o chute do atacante. Este foi o último lance de efeito no jogo que acabou por 2 a 1. O São Paulo vibrava pela vitória e por ter assegurado a vaga direta na fase de grupos da Libertadores, enquanto o Flamengo esperava o resultado final do jogo em Porto Alegre.

Enquanto isso, lá no Sul…

O Internacional tinha criado várias chances durante a partida que bateram na trave ou foram paradas por ótimas defesas do goleiro Cássio. O Inter marcou com Yuri Alberto em condição irregular e teve um pênalti anulado pelo VAR. No final da partida, os colorados se jogaram pro ataque e fizeram um gol com Edenílson, no último minuto do jogo. O assistente de campo marcou impedimento e o VAR concordou, devido a paralisar o juiz deu mais um minuto de jogo. 

No último minuto do jogo houve um escanteio para o Internacional. Após cruzamento na área a bola sobrou limpa para o zagueiro Lucas Henrique, que chutou sobre o gol. O árbitro encerrou a partida no Beira Rio e o Flamengo partiu para a comemoração do octacampeonato no Morumbi.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?