Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite: Todas as crianças menores de cinco anos devem ser vacinadas

A luta a favor da prevenção contra a doença começou nesta segunda (5), e tem como meta é imunizar 95% do público-alvo

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde

Foi dada a largada para a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite no Distrito Federal. A partir desta segunda-feira (5), as salas de vacina estão abertas, abastecidas e apostas seguindo as regras e protocolos sanitários para que a vacinação aconteça, mesmo num momento de pandêmico, com os devidos cuidados. O objetivo da Secretaria de Saúde (SES) é imunizar 95% do público-alvo, o qual são crianças menores de cinco anos de idade, até o dia 30 deste mês. No DF, calcula-se que aproximadamente 160 mil crianças se encaixam nesta faixa etária.

“É de extrema importância que os pais tragam suas crianças para vacinar contra a poliomielite para que possamos manter a doença sob controle. O último caso no DF foi registrado em 1987 e queremos manter a doença longe das nossas crianças”, ressalta Petrus Sanchez, secretário adjunto de Assistência à Saúde, ao longo da abertura da campanha na Unidade Básica de Saúde 1 do Riacho Fundo I.

Sanchez acalma os pais e responsáveis que estão apreensivos em conduzir os pequenos até as unidades de saúde em razão da pandemia do coronavírus.“Todas as medidas de segurança estão sendo tomadas, como sinalização para o distanciamento social, disponibilização de álcool em gel e orientação quanto ao uso da máscara. São 135 salas de vacina, a partir de hoje, abertas e preparadas para receber nossas crianças e mantê-las protegidas. Não deixe de trazer seu filho ou sua filha até os postos de vacinação”.

Campanha Nacional de Multivacinação

Além da ação promovendo a vacinação contra a poliomielite, nesta segunda-feira (5) também iniciou a Campanha Nacional de Multivacinação. Divino Valero Martins, subsecretário de Vigilância à Saúde, salienta a importância dos adolescentes de até 15 anos participarem desta jornada que possui o objetivo de atualizar e manter a carteira de vacinas em dia. “Convidamos todos a nos ajudar nas duas campanhas de vacinação para alcançarmos as metas de cobertura vacinal. Jovens de até 15 anos venham nas unidades para que nossos colegas verifiquem se o cartão está alguma vacina em falta e, assim, completá-lo. É seguro, tranquilo, ambiente aberto e pedimos que venham com máscara. Os profissionais farão o atendimento devido com toda a segurança”. Vale lembrar que nenhuma vacina do calendário infantil atingiu os números propostos entre janeiro e abril de 2020.

Esquema vacinal

A vacinação tem variação de métodos para as crianças menores de um ano e para aquelas na faixa etária de 1 a 4 anos de idade. Todas as crianças menores de 5 anos deverão comparecer às salas de vacinas para receber uma dose da vacina contra poliomielite. Dependendo de como estiver a rotina de vacinação registrada na caderneta, o paciente poderá receber os seguintes tipos de imunização: Vacina Oral Poliomielite (VOP), como dose de reforço ou dose extra, ou a Vacina Inativada Poliomielite (VIP), como dose de rotina.

Endereço dos pontos de vacinação

Clique aqui para saber qual é o posto de vacinação mais próximo da sua casa que está participando da campanha.

*Informações Agência Brasília

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?