fbpx

100 vezes Lewis Hamilton

Hamilton faz história no GP da Rússia, vence pela centésima vez na F1, feito inédito, e volta para a liderança do campeonato

hamilton
A história na F1 foi escrita, mais uma vez, debaixo de chuva. Foto: Jiri Krenek/Mercedes F1

A temporada 2021 da Fórmula 1 segue com muitas surpresas e emoções para os amantes da velocidade. Neste fim de semana foi a vez da Rússia receber a categoria e a corrida entra para o hall das provas mais inusitadas do ano. A classificação de sábado não teve a pole de Lewis Hamilton e nem de Max Verstappen, mas no domingo, os dois terminaram no pódio, com o inglês fazendo história mais uma vez, com 100 vitórias na F1.

A classificação teve a primeira pole do também inglês Lando Norris, o jovem piloto colocou a McLaren na frente, repetindo o feito da prova passada, mas em Monza, a pole position ficou com o companheiro de time Daniel Riccardo. 

Lewis Hamilton largou em quarto e Max Verstappen, que após a punição da última prova a Red Bull optou por trocar o motor do holandês com isso largou em último. Valtteri Bottas também teve a troca de motor e largou em décimo sexto.

Na primeira fila, ao lado de Norris, estava Carlos Sainz, que ao apagar das luzes não perdeu tempo e pulou para frente. Hamilton, encaixotado, optou em não se arriscar e perdeu posições, caindo para sétimo. Lá atrás, Verstappen foi escalando o pelotão e fez uma boa largada.

No meio da prova, um rádio que parecia inusitado para Hamilton, “você pode ganhar a corrida”. Era Toto Wolff incentivando o inglês a fechar o dia no lugar mais alto do pódio. Naquele momento da corrida, parecia um resultado inesperado, afinal, o ritmo da Mercedes não era superior ao dos rivais, até que veio o pit stop.

De pneus macios, o rendimento da Mercedes se mostrava consistente, e depois de 33 voltas, caberia a Lewis Hamilton superar Lando Norris para vencer pela centésima vez na Fórmula 1.

Então, aconteceu o esperado inesperado. Como assim? Mesmo com toda a tecnologia, na F1 nem sempre as decisões são todas milimetricamente calculadas. A poucas voltas para a bandeirada, Hamilton tentava alcançar Norris e Verstappen já estava entre os dez primeiros, mas não conseguia avançar mais do que o sétimo lugar. 

Às vezes dá certo… 

Havia a promessa de chuva para a corrida e não é que ela veio? Alguns pingos ali, partes da pista molhada, e o suspense será que todos os pilotos vão trocar os pneus, e quem arriscaria seguir na pista?

Quem arriscou foi Lando Norris. A equipe se preparou para a troca, mas o inglês quis seguir na pista, uma estratégia mais no feeling do que na lógica, claro, já tinha dado certo no passado com outros pilotos, mas…

Hamilton até falou com a equipe pelo rádio que não precisava da troca, a pista estava secando, mas com uma diferença confortável para o terceiro colocado, que naquele momento era o espanhol Carlos Sainz, o heptacampeão sabia que era mais seguro fazer a troca, e entrou para os pits.

hamilton
Lewis Hamilton é o maior vencedor na F1. Foto: Reprodução/Twitter

Norris seguia na esperança da primeira vitória, mas a vontade foi maior do que a estratégia. Deslizando na pista, o piloto decidiu entrar muito tarde para fazer a troca, sendo um dos últimos pilotos a colocar os pneus de chuva. Com isso, ele se distanciou da primeira vitória e abriu caminho para o compatriota, Lewis Hamilton, fazer história mais uma vez.

Mas não foi só Hamilton que se beneficiou com a chuva, de repente, Max Verstappen aparecia em segundo lugar, salvando pontos importantes para a disputa do campeonato. Carlos Sainz, com a Ferrari, conseguiu terminar em terceiro.

Lando Norris, de forma melancólica, terminou em sétimo, não foi dessa vez que o jovem venceria na F1, mas o futuro promete ser grandioso para o piloto da McLaren, que, de certa forma, segue os passos de Hamilton.

Valtteri Bottas terminou em quinto lugar, e Sergio Perez em nono, com isso, a Mercedes aparece liderando os dois campeonatos, o de Pilotos e o de Construtores da temporada. 

A próxima corrida será daqui duas semanas, na Turquia, entre os dias 8 e 10 de outubro.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?