Sociedade Brasileira de Cardiologia não recomenda o uso da Cloroquina

Nesta semana, o Ministério da Saúde publicou novas orientações para o uso da Cloroquina em pacientes com diagnóstico de covid-19. Hoje (22), a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), divulgou nota, e a entidade não recomenda o uso da Cloroquina e Hidroxicloroquina associada, ou não, a Azitromicina, enquanto não houver evidências científicas definitivas acerca do seu emprego.

Segundo a nota:

No entanto, para os pacientes que optarem pela realização do tratamento, orienta que, desde que resguardada as condições sanitárias necessárias para minimizar o risco de contágio de profissionais de saúde e outros pacientes, que sejam realizados eletrocardiogramas a fim de avaliar a evolução do intervalo QT (é uma medida feita em um eletrocardiograma usado para avaliar algumas das propriedades elétricas do coração), de forma a subsidiar o médico quanto a pertinência de se persistir no tratamento. Para tanto, a Telemedicina pode ser uma alternativa viável para suportar essa iniciativa.

Por fim, a SBC, com base em seus propósitos sociais estará sempre à disposição para contribuir com as autoridades sanitárias do país na adoção de políticas públicas de interesse da sociedade brasileira.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?