fbpx

Governo adia regras sanitárias de entrada no país

sanitárias
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil/Arquivo

As regras sanitárias anunciadas nesta quinta-feira foram adiadas devido ao ataque de hackers aos sistemas do Ministério da Saúde

O governo federal decidiu adiar em uma semana a entrada em vigor das regras sanitárias anunciadas nesta quinta-feira (9). A portaria interministerial publicada ontem no Diário Oficial prevê a obrigatoriedade de apresentação de comprovante de vacina e teste negativo para ingressar no país.

O motivo da mudança foi o ataque virtual aos sistemas do Ministério da Saúde nesta madrugada. O site da pasta e o aplicativo ConectaSUS, uma das formas de comprovar a vacinação contra a covid, sofreram ataques por hackers. O site do ministério já foi restabelecido, mas ainda não é possível acessar o app. 

O secretário executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, pontuou que “o time do DataSUS está avaliando o restabelecimento da base de dados, mas a gente ainda não tem um prazo. Por precaução, vamos publicar uma portaria hoje postergando por sete dias o início da vigência das regras que iniciariam amanhã”, disse Cruz, que ainda explicou que nova portaria será publicada em edição extra do Diário Oficial da União.

A mudança de acordo com o secretário visa não prejudicar os brasileiros que estejam no exterior, pois eles não conseguirão baixar os documentos necessários e assim, não seria possível comprovar a vacinação. 

Vacina nos Aeroportos

Na próxima segunda-feira, para reforçar a campanha nacional de imunização contra a covid-19, os aeroportos de Brasília, de Guarulhos, em São Paulo, e do Galeão, no Rio de Janeiro, terão postos de vacinação contra a covid-19.

*Com informações da Agência Brasil

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?