Em novo decreto, DF terá toque de recolher e lockdown é prorrogado até 22 de março

toque
Com a saúde pressionada, GDF tenta restringir a circulação de pessoas com o novo decreto. Foto: André Borges/Agência Brasília

DF terá toque de recolher e lockdown é prorrogado até 22 de março

A partir desta segunda-feira (8), os moradores do Distrito Federal (DF) terão que conviver com mais uma medida restritiva: toque de recolher, válido das 22h às 5h da manhã. O fechamento também trata da circulação das pessoas nas ruas, quem não seguir a norma poderá receber uma multa no valor de R$ 2 mil.

A determinação foi assinada pelo governador Ibaneis Rocha e publicada hoje em uma edição extra do Diário Oficial do DF.

O decreto nº 41.874 entra em vigor às 22h do dia de hoje e vai até o dia 22 de março, mas a norma poderá ser prorrogada ou alterada, isto depende da análise do governo do DF.

Assim, durante o intervalo previsto na determinação, as pessoas devem permanecer em casa, mas o texto entende que pode haver situações excepcionais, “para atender a eventual necessidade de tratamento de saúde emergencial,
ou de aquisição de medicamentos em farmácias”.

Após às 22h, o deslocamento individual pode ser realizado desde que seja configurado a intenção de retorno à residência. As atividades liberadas anteriormente precisam encerrar as atividades 22h, menos hospitais, clínicas médicas e veterinárias, farmácias, postos de gasolina e funerárias.

Os serviços de entrega poderão ser feitos até às 23h, no entanto, a comanda precisa ser registrada até às 22h.

Com relação ao transporte público, este continuará funcionando “de acordo com as exigências previstas nos contratos de concessão e permissão ou em regulamentos da SEMOB”.

Quem não cumprir a determinação e estiver nas ruas poderá receber uma multa individual de R$ 2 mil.

Lockdown prorrogado

A edição extra do Diário Oficial desta segunda-feira ainda prorroga o lockdown, que começou no dia 1, até o dia 22 de março. Assim, atividades como Shoppings, Salão de Beleza, Comércio de rua e outras atividades não consideradas essenciais ou de baixo impacto seguem fechadas.

 

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?