Luisa Stefani é vice no WTA 1000 de Miami

Luisa Stefani
Premiação da final do torneio de duplas em Miami. Foto: divulgação.

A brasileira comemorou o vice-campeonato e já está pronta para os próximos desafios

Aos 23 anos de idade, a tenista brasileira Luisa Stefani chegou pela primeira vez a final de WTA 1000. O jogo aconteceu neste domingo (4) e foi válido pelo torneio de duplas realizado em Miami, Estados Unidos. A parceira de Luisa foi a americana Hayley Carter, e infelizmente, as duas foram vencidas pelas japonesas Ena Shibahara e Shuko Ayoama. O placar final foi de 6×2 e 7×5, mas apesar da derrota há muito o que comemorar.

A partida deste domingo representou a maior final da carreira de Luisa e Hayley, a terceira na temporada, elas foram vice-campeãs em Adu Dhabi, Emirados Árabes, contra a mesma dupla japonesa e em Adelaide, Austrália. Os dois torneios fazem parte da série WTA 500.

No ranking mundial de duplas, as japonesas lideram, elas já conquistaram três títulos 2021. Luisa e Hayley estão em quarto lugar, e a brasileira ganhou mais cinco posições e hoje, ocupa a 26º lugar no ranking individual de duplas. Com isso, a tenista passa Maria Esther Bueno e alcança o melhor desempenho de uma brasileira desde que o ranking WTA foi criado em 1975.

Luisa Stefani contou como foi a final: “mais um jogo super duro, mais uma final disputada contra as japonesas. Não conseguimos nos soltar e jogar nosso melhor no primeiro set. Elas foram mais inteligentes taticamente e também ganharam os pontos decisivos, que fizeram a diferença. No segundo jogamos bem melhor, nosso estilo, da maneira que deveríamos jogar e acabamos deixando escapar, não era para termos perdido o segundo set, pois iríamos ao terceiro e poderia cair para qualquer lado. É melhorar para as próximas oportunidades e aperfeiçoar para termos mais chances no futuro”, disse.

A brasileira, após receber o troféu, fez questão de comemorar com os boleiros do torneio. Quando adolescentes, ela e o irmão tentaram ser boleiros em Miami, mas eles não foram aceitos. Além disso, por morar em Tampa, na Flórida, o vice-campeonato teve um gostinho especial para Luisa.

Luisa faz a festa com os boleiros do WTA 1000 Miami. Foto: divulgação.

 

Depois de Miami, a dupla segue para mais dois desafios. O primeiro será em Charleston, na Carolina do Sul, para o WTA 500, neste torneio no saibro verde, pó de cimento. A estreia poderá ser na terça ou na quarta-feira contra as checas Lucie Hradecka e Marie Bouzkova.

O segundo desafio será na Polônia, e Luisa Stefani vai jogar a Billie Jean King Cup pela equipe brasileira. Na sequência, começa a temporada europeia no saibro com Stuttgart, Madri, Roma e Roland Garros.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?