Lojas de móveis e eletrodomésticos voltam a funcionar no DF

Permissão passa a valer também para o Sistema S.

As lojas de móveis e eletrodomésticos estão liberadas pelo Governo do Distrito Federal a retomar seus trabalhos, interrompidos desde o começo do mês de março em razão da pandemia de Covid-19. A autorização para a recolocação do setor entre as atividades comerciais passíveis de funcionamento foi anunciada no Decreto nº 40.612, publicado em edição extra do Diário Oficial do DF desta quinta-feira (9).

Leia a íntegra do novo decreto

Segundo o novo documento, o ramo comercial responsável pela venda de itens como fogão, geladeira, cama, sofá e outros móveis para casa e escritório passa a ser incluído no Decreto nº 40.583, de 1º de abril de 2020, que determinava o fechamento do comércio no DF e restringia o funcionamento de alguns setores da economia. O ramo de imóveis e eletrodomésticos não estava entre as permissões.

Além dessas lojas, fica autorizada a volta das atividades do Sistema S. Dele fazem parte os serviços nacionais de Aprendizagem Industrial (Senai); do Comércio (Sesc); da Indústria (Sesi); de Aprendizagem do Comércio (Senac); de Aprendizagem Rural (Senar); de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop); de Transporte (Sest); de Aprendizagem do Transporte (Senat); e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). A liberação de todas as atividades comerciais descritas passam a valer a partir da data de publicação do decreto.

 

*Com informações da Agência Brasília

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?