Museus do DF voltam a funcionar

Memorial dos Povos Indígenas. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Decreto publicado no Diário Oficial do DF, porém, adverte: estão proibidos eventos nas dependências desses espaços públicos 

A visitação a museus do Distrito Federal está autorizada desde a última quinta-feira (18). Segundo decreto publicado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), os espaços podem funcionar das 9h às 17h. Assinada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB), a norma também veda qualquer tipo de evento nas dependências do estabelecimento.

Pioneiro em adotar medidas restritivas de circulação para conter o avanço do novo coronavírus, os espaços culturais do DF estavam fechados desde março, quando ocorreram as primeiras medidas que determinaram o isolamento social.

Atualmente o governo local tem feito a reabertura gradual dos estabelecimentos da capital. Segundo o governador, a retomada das atividades obedece às normas de saúde, respeitando a segurança da população. Na última quarta-feira (17), feiras permanentes, livres, populares, entre outras, reabriram as portas. Entretanto, permanecem proibidos o funcionamento das praças de alimentação e qualquer tipo de consumo nesses locais. Já os estandes que não comercializam gêneros alimentícios estão liberados.

O decreto também reforça a conformação sobre as indústrias e serviços autorizados a reabrir: atividades gráficas, financeiras, seguros e serviços relacionados, de empresas, de consultoria e de gestão empresarial, de publicidade e comunicação, administrativas e serviços complementares; serviços em geral; agências de viagens, operadores turísticos e serviços de reserva e bancas de jornais e revistas.

A fiscalização do cumprimento das regras de saúde e distanciamento deve ocorrer pelos órgãos oficiais do GDF, que incluem a Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) e o DF Legal.

 

 

*Com informações da Agência Brasília

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?