Primeiras doses da CoronaVac chegam ao Brasil

Créditos: Governo de São Paulo

Desembarcaram nesta manhã no Aeroporto Internacional de Guarulhos

Importado da China, chegaram no Brasil hoje (19) pela manhã, as 120 mil primeiras doses da vacina CoronaVac contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório Sinovac, em parceria com o Instituto Butantan. A pedido do governo de São Paulo, o material desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos, depois de enfrentar polêmicas por parte do governo federal.

Em outubro, o governo de São Paulo firmou acordo para a compra de 46 milhões de doses para a transferência de tecnologia para o Instituto Butantan. A decisão foi vista como precipitada pelo governo federal, devido as incertezas que a vacina tinha quanto aos testes de eficácia. Mesmo com a aquisição, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ainda não autorizou a utilização do produto que ainda se encontra na terceira fase de testes.

Interesse político

No início do mês de novembro, a Anvisa havia interrompido os testes da vacina. A medida foi vista como interesse político e após algumas contestações, o órgão voltou atrás e autorizou novamente a retomada dos testes.

A CoronaVac é uma das quatro vacinas contra o novo coronavírus (Sars-CoV-2) que estão sendo testadas no Brasil. O governador João Doria, o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, e o secretário Estadual de Saúde, Jean Gorinchtey, acompanharam a chegada do lote.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?