Comitê Organizador espera realizar Jogos mesmo com coronavírus

jogos 2021

Toshiro Muto diz que evento pode se tornar um legado

O diretor-executivo do Comitê Organizador dos Jogos de Tóquio, Toshiro Muto, afirmou nesta quarta (22), em entrevista à agência de notícias Reuters, que espera realizar os Jogos de Tóquio mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

“É muito difícil para nós esperar que a pandemia de coronavírus esteja contida, mas se pudermos entregar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio com coronavírus, acho que os Jogos de Tóquio se tornarão um modelo para os próximos Jogos Olímpicos e outros eventos internacionais”, declarou o dirigente um dia antes da marca de um ano para início do megaevento esportivo, que foi adiado por causa da pandemia de covid-19

Thomas Bach presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI) também  afirmou que a próxima edição dos Jogos Olímpicos será “um verdadeiro festival de esperança, resiliência e solidariedade”.

E é justamente no contexto do avanço do coronavírus, que já infectou mais de 15 milhões de pessoas ao redor do mundo e causou mais de 617 mil mortes, que Bach lança esta mensagem de esperança.

O dirigente também falou dos desafios de organizar uma edição dos Jogos em um contexto de pandemia: “Essa é uma tarefa gigantesca, porque não podemos preparar os Jogos Olímpicos como estamos acostumados. De fato, temos que nos preparar para vários cenários para os Jogos Olímpicos”.

Porém, mesmo em um contexto no qual o coronavírus continua avançando (já tendo infectado mais de 15 milhões de pessoas ao redor do mundo e causando mais de 617 mil mortes), Toshiro Muto espera que os Jogos de Tóquio deixem um aprendizado. “Espero fortemente que isso deixe uma marca. Isso se tornará um legado para a história da humanidade”, comenta o diretor-executivo.

 

*Com informações da Agência Brasil

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?