fbpx

CBF discorda de julgamento da Fifa sobre Brasil x Argentina interrompido pela Anvisa

O jogo válido pelas Eliminatórias da Copa “foi realizado” em setembro de 2021

Eliminatórias, Brasil x argentina, seleção brasileira, fifa
Momento da interrupção da Anvisa na partida entre Brasil e Argentina – Foto: Nelson Almeida / AFP

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) se pronunciou por meio de nota oficial sobre o resultado da decisão anunciada pelo Comitê Disciplinar da Fifa relacionado a partida suspensa entre as seleções de Brasil e Argentina, no dia 5 de setembro de 202, em São Paulo, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. 

A CBF não concorda com a decisão tomada pela Fifa e prometeu tomar medidas quanto ao fato. “A entidade destaca ainda que já solicitou à Fifa os fundamentos da decisão proferida e, após análise da Diretoria Jurídica e da Presidência, informará as providências a serem adotadas na sequência do processo”, disse em nota.

Decisão da Fifa

“O Comitê Disciplinar da Fifa decidiu que a partida deve ser repetida em uma data e local a serem decididos pela Fifa”, afirmou, nesta segunda, a entidade que comanda o futebol mundial. “Concluiu-se que o abandono da partida foi devido a várias falhas das partes envolvidas em suas respectivas responsabilidades e/ou obrigações”, acrescentou o comunicado.

A partida válida pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar foi suspensa aos cinco minutos de jogo quando agentes da Anvisa entraram em campo devido a escalação de quatro jogadores argentinos que descumpriram as normas sanitárias em vigor por conta da pandemia de Covid-19.

“Pelo não cumprimento de suas obrigações em termos de ordem e segurança” a Fifa puniu a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Associação de Futebol Argentina (AFA) com multas de 550.000 (R$ 3,1 milhões) e 250.000 francos suíços (R$ 1,4 mi), respectivamente.

Além disso, os jogadores argentinos Emiliano Buendia, Emiliano Martínez, Giovani Lo Celso e Cristian Romero foram suspensos por dois jogos cada um por não cumprirem os protocolos de saúde do contra o coronavírus.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: