Semana Brasil pretende reaquecer as vendas no comércio

Confiança do consumidor

A campanha promove descontos em lojas físicas e virtuais de todo o país nos moldes da “Black Friday”,

A Semana Brasil é uma iniciativa criada para estimular o consumo em um período fraco para a indústria e o comércio. Coordenada pelo Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV) e apoiada pelo Sebrae, a campanha tem como objetivo reunir comerciantes para realizarem ofertas entre os dias 3 e 13 de setembro.

A secretaria especial de comunicação social do governo (Secom) anunciou, em nota, que a edição de 2020 conta com o slogan “Todos juntos com segurança pela retomada e o emprego”, e foi pensada para ser o primeiro grande evento do varejo no país após a reabertura gradual do comércio.

No ano passado, as vendas no varejo em todo o país registraram crescimento nominal de 12% durante o evento, de acordo com balanço divulgado pela Cielo. O crescimento foi medido em comparação às médias de dias regulares do primeiro semestre de 2019.

Para o secretário-executivo do Ministério das Comunicações, Fabio Wajngarten, o impacto da Semana Brasil no ano passado indica que ela pode ser ainda mais relevante este ano, em um momento de retomada da economia.

“Faremos tudo isso com respeito às normas de segurança sanitária, com empresários e consumidores cientes da importância da manutenção e fomento das relações comerciais, bem como do cuidado com a saúde do próximo”, analisou Fabio.

O especialista em varejo do Sebrae, Flávio Petry, acredita que a Semana Brasil irá movimentar um grande volume de clientes no comércio. “Sem dúvidas haverá um aquecimento no consumo. O Sebrae entende que é uma boa estratégia a adesão à campanha”, afirma.

Os micro e pequenos negócios que quiserem aderir à Semana Brasil podem entrar na página da campanha e baixar todo material publicitário disponibilizado gratuitamente e planejar suas ações promocionais.

 

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?