fbpx

“Justiça para Diego”: argentinos protestam por respostas sobre morte de Maradona

A manifestação tem o intuito de exigir julgamento e punição para os culpados da morte de Maradona

Montagem de fotos em homenagem a Diego Armando Maradona
Montagem de fotos em homenagem a Diego Armando Maradona – Foto: Reprodução/Instagram

Nesta quarta-feira (10), os “hermanos” vão às ruas da capital, Buenos Aires, para requerer justiça para Diego Armando Maradona. Após a morte do maior ídolo da história do futebol argentino em novembro do ano passado, aconteceram investigações para saber a forma que ele morreu e se houve algum tipo de negligência médica.

“Ele não morreu, eles o mataram”, disseram os organizadores do ato em materiais distribuídos nas redes sociais. “Justiça para Diego. Julgamento e punição para os culpados”.

A marcha começará às 18h (horário de Brasília) no emblemático Obelisco do centro de Buenos Aires.

Maradona foi o protagonista do título da Copa do Mundo de 1986 com a Argentina. Por feitos como este e por uma identificação singular com seus compatriotas, ele é considerado um dos maiores jogadores da história da modalidade. Na Argentina, grande parte dos torcedores o consideram melhor e mais ídolo que o maior vencedor de Bolas de Ouro da Fifa e ídolo do Barcelona: Lionel Messi

A pedido do Departamento de Justiça, uma comissão médica se reuniu na última segunda-feira (8) para analisar a morte de Maradona. O campeão do mundo tinha problemas de saúde graves e se recuperava de uma cirurgia cerebral quando morreu nos subúrbios de Buenos Aires. Vale ressaltar que o ex-atleta batalhava contra o vício em drogas e álcool e já estava com a saúde fragilizada. Investigadores estão analisando se membros da equipe médica de Maradona não trataram adequadamente do ex-jogador.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?