fbpx

Estoque de remédios antigripais está em baixa no DF

antigripais
Foto: Pexels

A expectativa é que a normalização dos estoques de medicamentos antigripais aconteça em até 30 dias

A pandemia impactou todos os setores da economia, e as farmácias vivem um boom nas vendas. Com a nova onda da Covid-19 e o aumento de casos da influenza, este mercado registrou, no começo de 2022, uma alta da demanda em 16%, em comparação com dezembro do ano passado. Assim, alguns produtos começaram a sumir das prateleiras, como é o caso de antigripais. 

A expectativa do Sindicato do Comércio Atacadista do Distrito Federal (Sindiatacadista/DF), no entanto, é de que o abastecimento destes medicamentos seja restabelecido em até 30 dias.

Com o avanço da Ômicron e da Influenza, as indústrias farmacêuticas foram pegas de surpresa e alguns estabelecimentos acabaram ficando com estoques baixos ou zerados de xaropes e antigripais, por exemplo. O desabastecimento também se deve ao fato de que, em parte, as indústrias entraram de férias em dezembro, voltando às atividades em janeiro. Com isso, as distribuidoras tiveram dificuldade em repor seus estoques para atender o varejo.

O empresário atacadista Álvaro Silveira Júnior, da LinkMed Distribuidora, que também é sócio de uma rede de drogarias em Brasília, reforça que, com a diminuição dos casos de gripe, a procura deve diminuir. “O que estamos esperando é a estabilização do estoque na indústria e, portanto, o repasse do atacado para o varejo, já que as pesquisas têm indicado uma diminuição nas taxas de transmissão”, pontua.

Com a demanda de oferta e procura, muitas indústrias utilizam o serviço dos atacadistas para garantir que os produtos cheguem ao varejo, com maior velocidade. O atacado do Distrito Federal tem, com isso, contribuído para minimizar a falta de medicamentos. “O setor está empenhado em garantir a entrega desses medicamentos o mais rápido possível. Estamos em parceria com a indústria para que essa situação seja solucionada o quanto antes”, afirma o presidente do Sindiatacadista/DF, Lysipo Gomide.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: