CoronaVac apresenta eficácia contra a variante P.1

estudo
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Estudo realizado pela Vebra Covid-19 traz uma boa notícia: a CoronaVac, vacina fabricada no Brasil pelo Instituto Butantan em parceria com a Sinovac, apresentou efetividade contra a variante P.1 da covid-19. A cepa foi encontrada originalmente em Manaus, mas já está em outros estados brasileiros e também, em outros países, como é o caso do Canadá.

De acordo com a pesquisa preliminar, o imunizante se mostrou 50% eficaz em prevenir a covid-19 após 14 dias da primeira dose. O estudo foi realizado com 67.718 mil trabalhadores de saúde residentes na cidade de Manaus. O levantamento é o primeiro a ser realizado com a intenção de conhecer a efetividade da CoronaVac em locais onde a P.1 é a cepa predominante.

“Esses resultados são encorajadores porque a CoronaVac continua sendo efetiva na redução do risco de doença sintomática em um cenário com > (maior que) 50% de prevalência da P.1”, diz o estudo. “Esses achados apoiam o uso contínuo dessa vacina no Brasil e em outros países com a circulação da mesma variante”, afirmaram os pesquisadores.

O diretor do Butantan, Dimas Covas, acredita que “se após a primeira dose a eficácia é 50%, espera-se que após a segunda dose esse percentual suba substancialmente”.

A eficácia contra a variante P.1 pode ser explicada pelo fato de que a CoronaVac é uma vacina com vírus inativado, ou seja, ela conta com todas as partes do vírus e assim, pode gerar uma resposta imune mais abrangente comparado a outros imunizantes que se utilizam apenas uma parte da proteína Spike.

Os pesquisadores seguem trabalhando para entender qual é a efetividade da vacina com a aplicação da segunda dose. A Vebra Covid-19 ainda prevê realizar estudos da CoronaVac e Astrazeneca/Oxford em idosos nas seguintes cidades: Manaus, Campo Grande, São Paulo, e também no estado de São Paulo.

*Com informações da Agência Brasil

 

 

 

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?