Campanha quer levar alimentos a mais de 222 mil famílias em todo o país

campanha
Mais de 200 organizações, coletivos e movimentos se uniram em uma campanha para levar ajuda a quem precisa neste momento da pandemia da covid-19

A solidariedade sempre foi uma característica do brasileiro, e neste momento, em que os números da covid-19 avançam e os efeitos da pandemia estão em tantos lares, levar ajuda a quem precisa se torna uma ação essencial.

Por isso, a Coalizão Negra por Direitos, Anistia Internacional, Oxfam Brasil, Redes da Maré, Associação Brasileira de Combate às Desigualdades, 342 Artes, Nossas – Rede de Ativismo, Instituto Ethos, Orgânico Solidário e Grupo Prerrogativas se uniram e lançaram nesta semana uma campanha nacional de arrecadação de fundos para ações emergenciais.

A campanha “Tem gente com fome” tem a missão de levar alimentos, produtos de limpeza e de higiene a 222.895 mil famílias nas cinco regiões do país, previamente mapeadas pelas organizações que coordenam a ação.

O nome da campanha é inspirado no poema de Solano Trindade, o artista pernambucano que foi militante do movimento negro brasileiro. Ele escreveu: “Tantas caras tristes querendo chegar em algum destino, em algum lugar. Se tem gente com fome, dá de comer”.

Para fazer parte dessa rede de solidariedade, basta acessar o site (temgentecomfome.com.br) e fazer a doação, as contribuições podem ser feitas em diversas faixas de valor. 

No site, a organização da campanha exemplifica o que é possível fazer com os valores doados. Com  R$ 10 é possível comprar 3 pacotes de macarrão ou 1kg de feijão. Além dos alimentos, os valores serão revertidos em EPIs, material de higiene e limpeza. A ideia da campanha é estimular a formação de mutirões para realizar as entregas e também, ajudar na conscientização do lockdown.  

Além das organizações, artistas e pessoas públicas também apoiam a iniciativa. Entre eles estão: Camila Pitanga, Antonio Pitanga, Gilberto Gil, Chico Buarque, Zeca Pagodinho, Emicida, Zezé Motta, Ailton Graça, Tulipa Ruiz. 

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?