É hora da solidariedade! Hemocentros de todo o país pedem que as pessoas sigam doando

O avanço do coronavírus no Brasil tem preocupado os hemocentros de todo o país. Para que não haja um esvaziamento nos estoques dos bancos de sangue, as instituições reforçam a importância de seguir essa corrente do bem e manter a doação mesmo durante a epidemia.

Em Brasília, a Fundação Hemocentro, localizada próximo ao Hospital Regional da Asa Norte (HRAN), segue com o horário normal de funcionamento; de segunda à sábado, das 7h às 18h. Por conta da Covid-19, as recomendações são as seguintes:

Quem pode doar sangue?

  • Ter entre 16 e 69 anos de idade (Menor de 18 anos deve apresentar o formulário de autorização e cópia do documento de identidade com foto do pai, mãe ou tutor/guardião. Idosos devem ter realizado pelo menos uma doação de sangue antes dos 61 anos);
  • Pesar mais de 51 quilos e ter IMC maior ou igual a 18,5 (descontar o vestuário);
  • Não estar em uso de medicamentos;
  • Apresentar documento de identificação oficial com foto (original ou cópia autenticada em cartório), em bom estado de conservação e dentro do prazo de validade. Documentos aceitos: carteira de identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista, carteira nacional de habilitação, passaporte, carteira profissional emitida por classe ou carteira do doador da FHB. Não são aceitos crachás funcionais, carteiras estudantis nem certidão de nascimento;
  • Dormir pelo menos seis horas, com qualidade, na noite anterior à doação;
  • Não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação;
  • Não fumar duas horas antes da doação.

Quem não pode doar sangue?

Portadores de doenças autoimunes, quem já teve câncer e pacientes com HIV não podem doar em definitivo. Agora, pessoas que apresentaram gripe, infecção bacteriana ou dengue devem esperar para realizar a doação.

Gripe ou resfriado: aguarde 15 dias após o desaparecimento dos sintomas;
Infecção bacteriana: aguarde duas semanas após o término do tratamento;
Dengue: aguarde um mês após a cura da doença.

Veja lista completa das doenças em http://www.hemocentro.df.gov.br/doacao-de-sangue/

Pessoas com tatuagem, devem aguardar 12 meses, e com piercing também, mas se o piercing tiver sido colocado em mucosa oral ou genital, impede a doação enquanto estiver com o adereço, ou 12 meses após a retirada.

Para mulheres, elas devem seguir essas orientações:

Amamentação: 12 meses contados da data do parto;
Anticoncepcional: não impede a doação;
Curetagem: 12 semanas após o procedimento;
Gravidez: impede em caso confirmado ou suspeito;
Menstruação: se o fluxo não for intenso, não impede a doação de sangue;
Parto cesariana: seis meses após o evento.
Parto normal: três meses após o evento.

Estoque no Hemocentro-DF

 

 

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?