Reviravoltas, conflitos e agitação nos fazem aterrissar em 2021

A primeira quinzena de 2021 já deu o tom do que podemos esperar para o primeiro semestre deste ano, conforme apontamos na coluna passada. Agitação, ansiedade, inquietude, revolta, conflitos, desespero, mudanças bruscas de rumo, desentendimentos, ilusões mais ou menos sólidas que se de desmancham no ar parecem ser a tônica do momento.

Parece que o oxigênio está se tornando um bem escasso e inacessível para muitos de nós. Respirar se tornou um luxo, e o mais triste é a literalidade desse processo, como nos mostram as chocantes imagens dos hospitais de Manaus desde a semana passada.

Turbulência e conflitos

Desde que Urano ficou direto no signo de Touro no último dia 14, os acontecimentos parecem estar ocorrendo numa velocidade incontrolável que choca alguns e parece pegar outros desprevenidos. Decisões impulsivas das últimas semanas talvez precisem ser revistas, simplesmente porque suas consequências desastrosas irão cobrar seu preço muito rapidamente.

Ainda hoje (18/01) Júpiter em Aquário faz uma quadratura exata com Urano em Touro, ampliando o potencial de rupturas bruscas e acontecimentos violentos. O resto da semana traz muita agitação no céu e, provavelmente, na Terra. Preocupações sociais e conflitos coletivos podem ficar ainda mais evidentes até o final de janeiro.

Atitudes impensadas

Na quarta (20/01), o Sol também chega a Aquário quase ao mesmo tempo em que Marte fica conjunto a Urano, em Touro. É como se alguém despejasse álcool no caldeirão da opinião pública. Cuidado com atitudes impensadas, especialmente se surgirem conflitos. É melhor deixar a turbulência passar para decidir quais são os melhores rumos a se tomar. Se for necessário agir de forma rápida, respire antes.

É interessante também tomar cuidado com o que acessamos por meio da internet, para não tomarmos parte em movimentos violentos de disseminação de fake news ou linchamentos virtuais que só terão como consequência dificultar ainda mais a comunicação com os outros.

A quadratura exata que Marte faz com Júpiter, no sábado (23/01), ajuda a explicar por que os ânimos podem se acirrar. Dogmatismo, polarização, fanatismo ideológico e a consequente exacerbação dos conflitos políticos são possibilidades ainda mais fortes no período.

Criatividade nas soluções

Por outro lado, os aspectos que o Sol faz na semana que vem com os planetas sociais e com Urano podem fazer a balança pender para a inovação e para formas criativas de resolver os problemas. Não me espantaria ver novos acordos políticos e alianças globais – algumas delas realmente surpreendentes – surgindo na semana que vem.

As conjunções que o Sol faz com Saturno (24/01) e Júpiter (29/01) serão entremeadas com a quadratura exata dele com Urano no dia 26. O barulho da obra no apartamento de cima, no exato momento em que escrevo, me faz lembrar que reformas são assim mesmo: nos deixam surdos com tanto barulho, sufocados com tanta poeira, estressados com tanta sujeira e gasto.

Porém, as reformas nos fazem ver com clareza quais estruturas estão realmente podres e não podem mais aproveitadas. E mostram o que pode ser reconstruído, com técnica, criatividade e materiais novos. O resultado, geralmente, é compensador, especialmente porque atende as novas necessidades que desenvolvemos em relação ao nosso ambiente cotidiano.

Tempo de revisão

No céu que estamos vivenciando, tais reformas têm a ver com a nossa segurança, bem-estar e conforto coletivos. Dizem respeito à relação que estabelecemos com nossos recursos – naturais, emocionais, financeiros – e o que realmente valorizamos. Estão relacionadas com a beleza e com as sensações que desejamos ter em nossas vidas.

E no dia 31 de janeiro, o céu nos brinda com a retrogradação de Mercúrio em Aquário, que vai até 21 de fevereiro. Teremos mais uma chance de rever nossos conceitos, nossas ideias, nossos dogmas, nossas visões de mundo e perceber se eles ainda fazem algum sentido. Que tal aproveitar essa chance para, com gentileza, pensar cuidadosamente sobre suas convicções e respirar antes de falar e agir?

Quer saber mais sobre o que 2021 nos reserva? Confere aqui.
Mais informações sobre Urano em Touro estão aqui.
E sobre Júpiter e Saturno em Aquário, estão aqui.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?