Hora de analisar racionalmente o que faz bem para o corpo e para a alma

Depois da entrada de Mercúrio (19/08) e do Sol no signo de Virgem (22/08), o céu nos brinda com uma dose extra de racionalidade e capacidade analítica para diferenciarmos o que nos faz bem daquilo que é maléfico ao nosso corpo e à nossa alma. É um bom momento para cuidar da saúde espiritual, emocional e física.

As explosões da última quinzena podem ter trazido à tona sentimentos, emoções e situações com as quais preferiríamos não ter que lidar. Medos, traumas e tabus podem ter sido remexidos, trazendo dor e desconforto. Mas, depois da sujeira ser posta para fora, chegou a hora de limpar o nosso ambiente interno e externo.

Energia para faxina

Hoje temos uma energia extra para a faxina: Marte em Áries faz quadratura com Saturno em Capricórnio, indicando que se o tempo para a ação adequada ainda não chegou, nossa iniciativa não pode mais esperar para ser colocada em prática.

Portanto, é provável que o impulso para nos livrarmos daquilo que não nos serve mais se torne quase incontrolável. Cuidado apenas para não jogar fora o bebê junto com a água do banho. É hora de analisar racionalmente nossa realidade e perceber o que ainda pode ser aproveitado e o que está apenas ocupando espaço e energia, mas não tem mais serventia.

Método é importante

Amanhã (25/08) dois aspectos movimentam o céu: Mercúrio em Virgem faz um trígono com Urano em Touro, mostrando que o método correto de plantio e paciência podem render bons frutos para o futuro. Podemos estar num período de impaciência e pressa, mas a segurança da colheita só é obtida no tempo certo. Não podemos apressar a natureza em seus ritmos, por isso, o mais sábio é nos conectarmos a eles.

No segundo aspecto, Vênus em Câncer faz uma oposição a Júpiter em Capricórnio, ressaltando que nossos afetos e a busca de nossa satisfação precisam encontrar formas de concretização que nos levem ao crescimento, tanto emocional quanto material. Talvez seja o momento de escolher bem as metas que almejamos, para não descuidarmos das nossas emoções no processo.

Afinal, o crescimento contínuo pode não ser tão agradável assim… Você já parou para pensar que a expansão e a reprodução permanente são processos presentes nos tumores e nos vírus, por exemplo? Em outros termos, é preciso perceber que todos temos limites, físicos e emocionais.

Escrutínio e classificação

No dia 29 de agosto, é provável que esses limites fiquem bastante claros com o trígono de Mercúrio e Júpiter. A energia desse aspecto ajuda em processos de seleção, hierarquização, categorização e análise que precisam ser levados a termo. Ou seja: aproveite para separar o joio do trigo e focar naquilo que realmente lhe interessa.

No fechamento do mês, Vênus em Câncer faz oposição a Plutão em Capricórnio no dia 30. Preste atenção nas disputas de poder, conflitos, mágoas e ressentimentos, especialmente no ambiente familiar. Pode ser um momento importante de conversar, compartilhar experiências e esclarecer situações do passado que ainda tenham repercussões sobre os relacionamentos atuais.

Quem pode resolver?

Setembro começa com a Lua Cheia em Peixes no dia 2. Nesse mesmo dia, é a vez de Saturno se opor a Vênus, ambos em quadratura com Lilith em Áries. As emoções podem transbordar, mágoas podem encontrar uma forma de ressignificação e processos dos quais não tínhamos consciência podem ficar visíveis. Aproveite para refletir sobre suas próprias motivações e sobre aquilo que provoca raiva e frustração em sua vida.

O que você pode fazer para melhorar essa situação? A resolução dessas questões depende dos outros ou está em você? Essas perguntas que podem ser bastante úteis para enfrentarmos o que ainda vem pela frente em 2020.

Quer saber mais sobre Lilith em Áries? Há mais informações aqui e aqui.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?