GDF autoriza reabertura de óticas na capital

Medida que libera funcionamento desses estabelecimentos foi publicada em edição extra do DODF da terça-feira (14).

As óticas da capital estão liberadas para funcionamento. A autorização foi publicada em edição extra do Diário Oficial do DF, na noite da terça-feira (14). O Governo do Distrito Federal havia interrompido os trabalhos desses estabelecimentos devido à pandemia do novo coronavírus.

Na quinta (9), o poder Executivo local também havia liberado o funcionamento das lojas de móveis e eletrodomésticos da capital. Segundo o documento, o ramo comercial responsável pela venda de itens como fogão, geladeira, cama, sofás e outros móveis para casa e escritório estão permitidos a abrir.

O decreto ressalta que os estabelecimentos abertos devem observar “todos os protocolos de segurança recomendados pelas autoridades sanitárias relativos aos equipamentos de proteção individuais” – como o uso de máscaras – além de outras medidas como evitar a aglomeração de pessoas. Ainda de acordo com o decreto, em “casos do empregador identificar estado febril do empregado e outro sintoma respiratório característico da Covid-19, deverá dispensá-lo imediatamente das atividades por 14 dias”.

Além das óticas e lojas de eletrodomésticos, fica autorizada a volta das atividades do Sistema S. Dele fazem parte os serviços nacionais de Aprendizagem Industrial (Senai); do Comércio (Sesc); da Indústria (Sesi); de Aprendizagem do Comércio (Senac); de Aprendizagem Rural (Senar); de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop); de Transporte (Sest); de Aprendizagem do Transporte (Senat); e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

 

*Com informações da Agência Brasília.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?