fbpx

DF: incêndios florestais no DF tem baixa de 50%, apesar de recordes de temperatura

A capital federal contabilizou 243 ocorrências em uma área total de 1.688 hectares

Foto: Divulgação/Instituto Brasília Ambiental

Quem mora no quadradinho sabe que o período de seca vem acompanhado de calor intenso e uma grande quantidade de queimada. Em 2020, o Distrito Federal bateu recordes nas altas temperaturas e, mesmo estando na época em que mais ocorrem incêndios florestais, houve uma baixa de aproximadamente 50% nas área queimada nas unidades de conservação em relação ao ano anterior.

Conforme foi averiguado pelo Programa de Monitoramento de Áreas Queimadas nos Parque e Unidades de Conservação (Promaq), do Instituto Brasília Ambiental, até o dia 4 de outubro foram registradas 243 ocorrências de incêndio florestais e uma área total de 1.688 hectares, em 45 parques e unidades de conservação.

Em 2019, a área atingida nos parques ecológicos e unidades de conservação até o final de setembro chegou a 3.172 hectares. Vale lembrar que R$ 3 milhões foram disponibilizados pelo Governo do DF para a implementação do Plano de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais.

De acordo com GDF, esta redução constatada pela comparação acima é consequência da adesão de medidas prévias, como aumento do efetivo de brigadistas florestais – com a contratação de 148 profissionais, além de campanhas educativas.

Outra providência tomada foram os aceiros mecânicos em 25 unidades de conservação, estratégia que retira o material combustível, no caso a vegetação seca, impedindo que o fogo se espalhe e, a queima prescrita (fogo controlado de áreas) em todas as unidades de conservação e no Parque Nacional de Brasília. Foram mais de 4,6 mil hectares de queima prescrita.

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, os incêndios florestais no DF são originados, geralmente, pela queima de lixo, entulhos ou restos de poda. Assim como por feitos que denotam crime ambiental, tal como: lançar pontas de cigarros acesas na vegetação ou fogueiras.

*Com informações de Agência Brasil

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?