App de entregas cria Universidade de Delivery

delivey
Imagem: divulgação/Ceofood

Empreendedores agora podem contar com capacitação para vender pelo delivery

O delivery aparece como um importante canal de vendas para lojistas do Brasil e do mundo. Pesquisas mostram que a pandemia do coronavírus potencializou ainda mais o serviço. De acordo com um dos estudos realizado pelo Delivery Munch, indica que 93,7% dos entrevistados fizeram pedido de entrega nos últimos 90 dias.

O aumento no uso do serviço de entrega criou uma outra demanda: a capacitação dos empreendedores para que eles não percam negócio. Dessa forma, o aplicativo de delivery Ceofood está lançando neste mês a Univerisdade Ceofood.

A iniciativa vem com um objetivo de ajudar pequenos e médios empreendedores a migrar para o meio digital e vender usando um serviço de entrega. A Ceopag, fintech de meios eletrônicos de pagamento, também é parceira do projeto e mostrará aos participantes do curso como funciona o processo de cobrança e pagamento presencial, à vista e parcelado e também, no modelo à distância.

“Nosso objetivo é disponibilizar um curso de capacitação completo para todos os segmentos que se enquadram na venda por delivery, desde gastronomia até o mercado de acessórios e o varejo em geral. Poderão participar empreendedores já atuantes no mercado, assim como o público informal, desempregados e profissionais autônomos.  Será ensinado como iniciar um negócio do zero e o passo a passo para que o empreendedor consiga atuar e ganhar dinheiro de maneira assertiva”, explica Kawel Lotti, Presidente do grupo Ceofood e Ceopag.

O curso tem 15 módulos que incluem temas como cadastro do estabelecimento na plataforma de entrega, como gerenciar pedidos e entregas, criação de páginas e divulgação nas redes sociais.  

“Dado o período desafiador que o Brasil e o mundo enfrentam,  chegamos à conclusão que precisávamos criar algo que se adaptasse ao novo cenário. Criamos, então, uma solução integrada para ajudar milhares de lojistas formais e informais desempregados, pessoas com habilidades como fazer comida caseira, doces, pães e salgados, artesanatos, etc, mas que não podem vender porque estão sendo obrigadas a ficar em casa diante da necessidade do distanciamento social, em algumas regiões de lockdown, porém precisam trabalhar para garantir o sustento de suas famílias. Esse projeto nos orgulha como empreendedores, mas principalmente como pessoas que desejam contribuir diante de um cenário terrível como esse”, comenta Lotti.

Os interessados podem se matricular pelo app da Ceofood, mesmo que a pessoa não esteja em uma área de cobertura do serviço. A ideia segundo Lotti é fazer com que o empreendedor coloque em prática o conhecimento adquirido.

Quem quiser saber mais e se inscrever no programa da Universidade Ceofood, basta acessar o site: universidade.ceofood.com.br

O curso sai por R$ 897,00 e pode ser parcelado até 6 vezes de R$ 162,80. Ao término do curso, os participantes recebem um certificado. No final desse período, será possível renovar a inscrição para receber atualizações do ramo de delivery por parte da Universidade Ceofood e garantir atualizações sobre esse tema que é uma tendência nacional e mundial  do app por mais 06 meses

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?