fbpx

Veja quem serão os líderes de partidos na Câmara dos Deputados em 2020

 
Partidos se movimentam nos bastidores antes do fim do recesso para definir líderes e alianças

A dança das cadeiras já está a mil em Brasília, ainda que o Congresso só retorne as suas atividades no dia 03 de fevereiro. Já confirmaram seus líderes legendas como PT, MDB, DEM, Novo, PSD, Republicanos, Podemos e PROS. Outras, como PCdoB, Cidadania, Solidariedade, PTB, PL, PSOL, PTB, PP, PSC e PSB e PDT deverão selecionar os líderes apenas no início de fevereiro, quando o Congresso retoma seus trabalhos.

O cargo de líder é de grande peso no dia a dia da Câmara. O líder é responsável, entre outras funções, por orientar a votação da bancada – ou seja, por indicar como os deputados devem votar -, por selecionar os membros de seus partidos para as comissões e também por participarem das reuniões do Colégio de Líderes, realizadas semanalmente, quando são definidas as pautas de votações.

Não existe uma regra para determinar o tempo de duração do “mandato” de um líder. Segundo o regimento da Câmara, um líder permanece na função até que os membros da bancada optem por outro nome. Mas o habitual é a eleição do líder, que pode levar à substituição ou à recondução do atual ocupante, a cada fim de ano ou ao término do recesso, no começo de fevereiro.

O MDB indicou Baleia Rossi (SP) para o posto. O parlamentar já é o comandante da bancada, e em 2020 estará no posto pelo quinto ano consecutivo. No DEM, a liderança ficará a cargo de Efraim Filho (PB), deputado em quarto mandato e que liderou a bancada em 2017. O PSD selecionou Diego Andrade (MG), que está em sua terceira legislatura. O Republicanos optou pela continuidade do atual líder, Jhonatan de Jesus (RR).

Uma rara escolha de deputado estreante foi a do PROS, que optou por Acácio Favacho (AP). O PSDB, tem na liderança do partido na Câmara  Carlos Sampaio (SP). O PT indicou Enio Ferri (PR) para a liderança, sucedendo Paulo Pimenta (RS)  que liderava a sigla na Casa desde 2018. No Podemos, o novo líder do partido é Léo Moraes (RO).

O Novo selecionou Paulo Ganime (RJ) para ser o líder em 2020. Ele vai suceder Marcel van Hattem (RS), que agora passa a ser vice-líder da bancada.

O PSL é liderado atualmente pelo filho do presidente, o deputado Eduardo Bolsonaro (SP). Mas a deputada Joice Hasselmann (SP) chegou a ser formalizada líder no fim do ano passado, quando uma suspensão aos bolsonaristas do PSL foi aplicada. O partido iniciou a legislatura tendo Delegado Waldir (GO) como líder, mas o deputado também ficou no grupo dos afastados do presidente da República.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?