fbpx

Time Brasil conquista 9 novas medalhas em Tóquio

time
Da Paraíba para o mundo! Petrúcio Ferreira é o atleta paralímpico mais rápido do planeta. Foto: Ale Cabral/CPB

No terceiro dia de competições, o time Brasil já subiu no pódio 17 vezes e está em sexto no quadro de medalhas

Recordes, bicampeonatos e 9 novas medalhas para os atletas paralímpicos brasileiros em Tóquio. O terceiro dia de competições no Japão rendeu ao time Brasil o sexto lugar no quadro de medalhas, são 17 no total – 6 de ouro, 4 de prata e 7 de bronze.

Atletismo

Mantendo a escrita de homem paralímpico mais rápido do mundo, Petrúcio Ferreira se consagrou bicampeão paralímpico na prova dos 100 metros rasos da classe T47. O brasileiro ainda quebrou o recorde paralímpico com o tempo de 10s53. O primeiro ouro de Petrúcio foi nos Jogos do Rio realizados em 2016.

A prova ainda teve outro brasileiro no pódio, Washington Júnior, de 24 anos, terminou em terceiro lugar garantindo mais uma medalha de bronze para o país.

No salto em distância, Silvânia Costa também levou o ouro. Favorita para a prova na classe T11, a mineira pode comemorar o bicampeonato, a primeira medalha de ouro veio em 2016.

Em uma disputa emocionante, Yeltsin Jacques venceu nos 5000 m da classe T11. O brasileiro foi ultrapassado na última volta e parecia que não iria conseguir, mas nos últimos metros, o atleta de Campo Grande deu o troco e cruzou em primeiro lugar.

Na manhã desta sexta-feira, horário de Brasília, o time Brasil ainda pode comemorar a dobradinha brasileira no arremeso de peso. Wallace Santos ficou com o ouro, na classe FS5, e de quebra se tornou o novo recordista mundial com 12,63 metros.

Na classe F37, também do arremeso de peso, João Victor Silva garantiu o bronze nos Jogos de Tóquio.

Natação

Maria Carolina Santiago leva bronze nas piscinas de Tóquio. Foto: Ale Cabral/CPB

Uma modalidade que rende muitos sorrisos e pódios para o Brasil. No terceiro dia de competições nas piscinas japonesas, os nadadores brasileiros conquistaram três medalhas. Wendell Belarmino levou o ouro na prova dos 50 metros livre S11. Gabriel Bandeira foi prata nos 200 metros livre S14 e Carol Santiago ficou com o bronze no 100 metros costa S12.

*Com informações da Agência Brasil

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?