fbpx

Conmebol sobe multa por discriminação após casos de racismo

Torcedores brasileiros sofreram ataques em jogos da competição

 

Conmebol, libertadores, gol fora de casa
Conmebol aumenta multa em casos de discriminação – Foto: Jorge Adorno/Reuters

Nas últimas rodadas da Copa Libertadores da América, aconteceram cinco atos de racismo direcionados a torcedores de clubes brasileiros. Em resposta a esses atos, a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) modificou o artigo do código disciplinar sobre discriminação.

Na última segunda-feira (9), a Conmebol publicou o aumento das multas às equipes cujas torcidas cometerem atos de preconceito motivados por “cor de pele, raça, sexo ou orientação sexual, etnia, idioma, credo ou origem”.

A punição mais baixa foi de US$ 30 mil para US$ 100 mil. De acordo com a entidade, além da punição financeira, o órgão judicial competente também pode lesar a equipe desportivamente. As punições cabíveis neste caso seriam jogar uma partida sem a presença do público ou com o estádio parcialmente fechado.

O primeiro dos casos foi de um torcedor do River Plate, que atirou uma banana em direção à torcida do Fortaleza no jogo entre as equipes em Buenos Aires, há um mês. O clube argentino foi multado em US$ 30 mil.

Na outra rodada da Libertadores, que ocorreu duas semanas depois, um torcedor do Boca Juniors, também da Argentina, imitou um macaco em direção à torcida do Corinthians na Neo Química Arena, em São Paulo. Ele foi detido em flagrante, mas liberado após pagamento de fiança no dia seguinte.

Na mesma semana, torcedores do Estudiantes de La Plata, mais um time argentino, fizeram sons de macacos para os fãs do Red Bull Bragantino. Ainda tiveram registros parecidos no Equador, no embate do Palmeiras contra Emelec, e no Chile, durante o jogo entre Flamengo com a Universidad Católica. Até o momento, a Conmebol não concluiu a investigação sobre os casos nos jogos das últimas 4 equipes citadas.

*Com informação de Agência Brasil

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: