Grupo Heineken confirma investimento de R$ 865 milhões no Brasil

Fabrica da Heineken. Foto: Jos’W Fernando Ogura Governo do Estado do Paraná

Cervejaria de origem holandesa vai ampliar a produção de sua fábrica no Paraná  aumentando em 75% a capacidade total

O Grupo Heineken confirmou novos investimentos no Paraná. Em cerimônia com o governador Carlos Massa Ratinho Junior, nesta quarta-feira (11), em Ponta Grossa, a cervejaria anunciou que vai destinar R$ 865 milhões até 2021 para a ampliação da produção, concentrada em rótulos como Heineken e Amstel. O empreendimento tem o apoio do Governo do Estado por meio do Programa Paraná Competitivo.
A fábrica localizada em Ponta Grossa é a terceira maior da Heineken no Brasil. A empresa não deu mais detalhes sobre o volume que pretende atingir com a expansão. Apenas que será feita gradualmente, com os primeiros resultados esperados já para este ano.
“Estamos antecipando em um ano todos os investimentos de nosso plano estratégico. O Brasil é um mercado-chave para nós, representa um volume muito grande”, disse o presidente-executivo da Heineken no Brasil, Mauricio Giamellaro, ao ser questionado sobre o momento para a realização do investimento, marcado por um ainda fraco crescimento da economia e fortes turbulências internacionais.
Em fevereiro, a Heineken afirmou em Bruxelas que os volumes de venda de cerveja do grupo subiram 4,1% no quarto trimestre. Os responsáveis foram os avanços mais fortes em países como Brasil, Camboja e Vietnã. Um dos grandes objetivos na ampliação da fábrica do Paraná é o lançamento de novos produtos, segundo Giamellaro. Incluindo a versão sem álcool da Heineken: “Muito do investimento será destinado à Heineken 0,0”, explicou o executivo.
O governador disse que busca facilitar a vida de quem quer empreender no Paraná. Ele ressaltou que a cervejaria já recebeu o licenciamento ambiental prévio, do Instituto Água e Terra do Paraná (IAT-PR), para poder iniciar as obras. “Esse é o nosso compromisso: criar um ambiente propício para fazer o Estado crescer e melhorar a vida da população”, disse o governador.
No país, além da marca Heineken, posicionada no segmento premium, e da Amstel, no segmento “mainstream”, a cervejaria holandesa tem rótulos econômicos como Glacial e Kaiser, também produzidas em Ponta Grossa.
Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?