Arte e Tecnologia: Consumo da Cultura em Tempos de Transformação Digital

Créditos: Instituto Ling/Divulgação

Esse é o módulo introdutório da Formação em Arte + Tecnologia, iniciaremos com estudos sobre como o consumo cultural se dá na atualidade. Serão abordados temas como novas formas de experiências culturais, produtos culturais permeados pela tecnologia e os impactos proporcionados pelo crescimento da indústria criativa. Você terá uma visão geral da área, conhecerá os seus principais conceitos da economia criativa, a partir das relações entre a expressão artística e a tecnologia.

Conheça as temáticas das aulas:

05/04 – Aula 1

O Papel dos equipamentos culturais na contemporaneidade e a experiência de novos produtos culturais, com professor Dr. Bernardo Bueno.

O que são e quais são os novos produtos culturais que surgiram a partir de desenvolvimentos tecnológicos recentes e como eles interagem com o equipamento cultural atual. Reflexões, exemplos e discussões sobre o impacto dos computadores, videogames, internet, redes sociais, celulares, tablets, intermidialidade, financiamento coletivo e inteligência artificial na criatividade e na arte. A história dessas transformações e os desafios em estudar, consumir e criar nesse contexto.

Bernardo Bueno é autor de Dias Lendários (Bestiário, 2020) e Minimundo (IEL, 2006/ Dublinense, 2014). É PhD em Creative and Critical Writing pela University of East Anglia (Reino Unido) e realizou período de pesquisa em Humanidades Digitais no Electronic Textual Cultures Lab (ETCL) da University of Victoria, no Canadá. É professor da Escola de Humanidades da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e coordena a graduação em Escrita Criativa.

12/04 – Aula 2

Entendimento do que é e como se consome uma experiência da economia criativa, com professor Dr. Cristiano Baldi.

Origem do conceito de economia criativa. Introdução às indústrias criativas e discussão a partir de casos. Economia criativa e consumo.

Cristiano Baldi é graduado em Comunicação Social e Doutor em Letras pela PUCRS. Professor de Escrita Criativa na mesma universidade, é autor do volume de contos “Ou clavículas” e do romance “Correr com rinocerontes”, finalista do Prêmio São Paulo de Literatura em 2018.

19/04 – Aula 3

O beneficiário dos bens de consumo x dos bens culturais, com professor Dr. Altair Martins.

Estudo distintivo entre os bens de consumo e os bens culturais com base no conceito de desmaterialização do estético (Lucy Lippard, 1973). Painel ilustrativo-teórico da História da Arte com ênfase nas produções contemporâneas.

Altair Martins é Bacharel em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Mestre e Doutor em Literatura Brasileira na mesma universidade. Acadêmico de História da Arte (UFRGS. É professor da Escola de Humanidades da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), nos cursos de Letras e Escrita Criativa. Coordena o Grupo de Pesquisa “Intersemioses Criativas” no Programa de Pós-graduação em Letras da PUCRS. Tem textos publicados em Portugal, Itália, França, Argentina e Espanha. Ganhou, entre outros prêmios, o São Paulo de Literatura (2009) com o romance “A parede no escuro” e o Moacyr Scliar (2012) com os contos de “Enquanto água”.

26/04 – Aula 4

Interações Tecnológicas x Suportes Clássicos, com professor Dr. João Guilherme Barone Reis e Silva.

A disciplina propõe uma reflexão sobre as relações entre a expressão artística e a tecnologia, buscando identificar alguns dos principais marcos tecnológicos, suas origens e características de desenvolvimento no espaço-tempo. Analisar, a partir de diferentes registros, as interações tecnológicas como determinantes na construção e na dinâmica evolutiva das linguagens pela materialidade dos suportes. Transformações e rupturas nos suportes, as trajetórias das diferentes tecnologias da escrita, da imagem do som. Uma abordagem com inspiração teórica em Harold Innis, Walter Benjamin e Christian Metz.

João Guilherme Barone Reis e Silva é Doutor em Comunicação pela PUCRS, onde atua como docente e pesquisador na Escola de Comunicação, Artes e Design Famecos, coordenando o Laboratório de Pesquisas Audiovisuais, LaPav, do PPGCOM, junto ao TECNA, no TECNOPUC Campus de Viamão. Mestre em Comunicação e Indústrias Audiovisuais no Espaço Ibero-americano pela Universidade Internacional da Andaluzia, tem produção bibliográfica na área de cinema e audiovisual, com ênfase em tecnologias, políticas e mercado. Como Jornalista, documentarista, roteirista e diretor, realizou centenas de projetos audiovisuais em 40 anos de atuação.

Horário: 19h às 22h

Data: 05/04 | 12/04 | 19/04 | 26/04

Evento Gratuito

Clique aqui para se inscrever.

 

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?