Uruguai x Brasil: saiba tudo sobre o clássico da rodada nas Eliminatórias

Escalação, desfalques, arbitragem e histórico recente dos embates das equipes nos últimos anos

Jogadores comemorando gol contra a Venezuela Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Hoje (17) a seleção brasileira entra em campo em busca de mais uma vitória nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Fora os três pontos, estão em jogo os 100% de aproveitamento do Brasil na competição e uma invencibilidade de 19 anos contra o Uruguai. A bola rola a partir das 20h (de Brasília), no Estádio Centenário de Montevidéu, e é válida pela quarta rodada do torneio.

Histórico do confronto

A última vez que a Celeste derrotou o Brasil foi nas Eliminatórias de 2001, a partida era a estreia de Felipão pela Seleção canarinho. Na ocasião, a equipe brasileira perdeu por 1×0, atingindo a quarta derrota consecutiva nas Eliminatórias e o risco de ficar fora do próximo mundial. Porém, a vaga para a Copa do Mundo na Coreia e no Japão foi conquistada e a seleção levantou o caneco pela quinta vez.

Durante este período, o clássico foi disputado 10 vezes, foram cinco empates e cinco vitórias brasileiras – a última em 2018, por 1×0, em amistoso na Inglaterra. As duas equipes chegam embaladas para o jogo de logo mais. Por mais que não tenha tido uma boa atuação, o Brasil derrotou a Venezuela por 1×0 e se manteve líder da competição. Enquanto o Uruguai goleou a Colômbia, fora de casa, por 3×0.

Escalação e desfalques

– Uruguai

A Celeste comandada por Óscar Tabárez teve um desfalque de última hora: Luis Suárez, o artilheiro da competição com quatro gols. Após testar positivo para COVID-19, “El pistoleiro” não fará a dupla de ataque mortal com Cavani. O substituto deve ser o jovem Darwin Sanchéz, de 21 anos, do Benfica.

A expectativa é que “Maestro” Tabárez repita a base do time que derrotou a Colômbia na última rodada. As alterações devem ser pontuais e ocasionadas pela COVID-19, pois Matías Viña também foi diagnosticado com o vírus e deve ceder a vaga para Agustín Oliveros.

Escalação: Martín Campaña; Martín Cáceres, Diego Godín, José María Giménez e Agustín Oliveros; Nahitán Nández, Lucas Torreira, Rodrigo Betancur e Nicolás de la Cruz; Edinson Cavani e Darwin Núñez.

Desfalques: Federico Valverde, Maximiliano Gómez, Sebastián Coates e Martín Silva (todos machucados), Matías Vinã, Rodrigo Muñoz e Luis Suárez (Covid-19).

– Brasil

A Seleção de Tite vive o melhor início em Eliminatórias desde 1981, graças aos três triunfos consecutivos sobre a Bolívia, Peru e Venezuela. Hoje o Brasil encontrará um adversário com maior potencial técnico e poderio ofensivo. Sendo assim, o jogo será um bom teste para a defesa assim como para o ataque, que deve encontrar mais espaços para executar jogadas.

A única dúvida na escalação está no meio de campo. Allan se queixou de dores nos últimos dias. Se ele não puder atuar, deve ser substituído por Arthur. Essa seria a oitava baixa da lista de convocação por falta de condição de jogo nesta Data FIFA.

A partida deve marcar a estréia de Thiago Galhardo com a camisa canarinho. O atacante vive a melhor fase na sua carreira e foi convocado de última hora para a vaga de Pedro, que sentiu desgaste muscular e foi cortado. A data é especial para Galhardo, pois a exato um ano o jogador perdeu sua avó e desde então usa o número 17, o qual coincidentemente foi herdado do atacante flamenguista.

Escalação: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Allan (Arthur), Douglas Luiz e Éverton Ribeiro; Gabriel Jesus, Richarlison e Roberto Firmino.

Desfalques: Éder Militão, Rodrigo Caio, Casemiro, Fabinho e Phillipe Coutinho (cortados antes da apresentação), Neymar (lesão muscular), Gabriel Menino (Covid-19) e Pedro (lesão muscular).

Arbitragem

Árbitro: Roberto Tobar (Chile)
Auxiliar 1: Christian Schiemann (Chile)
Auxiliar 2: Claudio Rios (Chile)
Quarto árbitro: Eduardo Gamboa (Chile)
VAR: Cristian Garay (Chile)
Assistente de VAR: Angelo Hermosilla (Chile)

Transmissão

A partida será transmitida no EI Plus, canal de streaming do Esporte Interativo, e no Bandsports, via pay-per-view. Para mais informações clique aqui.

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?