fbpx

São Silvestre e o desafio pelas ruas paulistanas

Largada na última edição realizada em 2019. Foto: divulgação

O percurso mudou bastante ao longo da história desde os 8,8 km da primeira edição até chegar aos 15 km atuais

Considerada a principal prova de rua da América Latina em razão de sua tradição, longevidade e por ter reunido e ainda atrair grandes nomes do circuito mundial, a Corrida Internacional de São Silvestre possui diversos pontos que reforçam esse prestígio. Um deles é o seu percurso bastante técnico e que percorre algumas das principais ruas e avenidas da Capital paulista. Os 15 km apresentam vários desafios, como subidas, descidas, trechos planos e que, muitas vezes, acabam sendo determinantes para a conclusão da Prova. A edição de número 96 acontecerá no dia 31 de dezembro e as inscrições seguem abertas tanto para o evento Presencial como para o Treinão Virtual.

 Desde sua criação, em 1925, a São Silvestre teve percursos distintos e diferentes distâncias. No ano de estreia, os corredores percorreram 8,8 km e, curiosamente, na última edição da Fase Nacional, em 1944, os participantes fizeram o menor trecho da história, com apenas 5,5 km. As mulheres, por sua vez, participaram da Prova pela primeira vez em 1975, correndo 8,9 km. Os 15 km atuais passaram a valer em 1991 para as duas disputas.

 A Corrida começa na Avenida Paulista, próximo à Rua Augusta, e passa por pontos turísticos famosos da cidade, como o Estádio do Pacaembu, a Praça da República, o cruzamento da Av. Ipiranga com a Av. São João, e o Teatro Municipal para fechar na Avenida Paulista, número 900, em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero.

 Segundo especialistas, o trajeto é muito técnico e exige bastante da musculatura do atleta. Por isso, a preparação adequada e a supervisão de um educador físico são fundamentais para uma participação segura. Outro importante cuidado é com a hidratação, uma vez que nesta época do ano as temperaturas costumam ser elevadas.

Os atletas poderão confirmar a inscrição no site oficial, www.saosilvestre.com.br, onde estão disponíveis informações sobre valores, prazos de inscrições, Regulamento e a história da Corrida.

O evento oferecerá infraestrutura (apoio médico, acessos, hidratação, lanches) para o número oficial de inscritos. Não serão disponibilizados recursos extras para atletas que não estejam oficialmente inscritos “pipocas”. A organização monitora a inscrição de atletas na categoria 60+ para evitar fraudes.

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?