IDH: Brasil fica em 84º lugar em ranking mundial

O país caiu cinco posições em relação a última avaliação, mas subiu 10 colocações em novo índice ambiental

Segundo o relatório divulgado na terça (15) através do Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento (Pnud), da Organização das Nações Unidas, o Brasil caiu cinco colocações no ranking mundial do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e passou do 79º para o 84º lugar entre 189 países. O IDH brasileiro foi de 0,762, em 2018, para 0,765, em 2019.

De acordo com o PNUD, estes dados não retratam o efeito da pandemia da COVID-19. O índice avalia e mensura a saúde, a educação e o padrão de vida dos países. O líder do ranking é a Noruega (0,957), seguido por Suíça (0,955) e Irlanda (0,955). Os piores índices estão localizados na África: Níger (0,394), República Centro-Africana (0,397) e Chade (0,398).

O território tupiniquim desceu duas posições e ficou com o 6º melhor IDH entre os 12 países da América Latina. Neste ranking, o Brasil está atrás de Chile (0,851), Argentina (0,845), Uruguai (0,817), Peru (0,777) e Colômbia (0,767).

IDHP: o novo índice

O Pnud apresentou em 2020 uma variante experimental do IDH para incorporar dois outros elementos – emissões de dióxido de carbono e quantidade de recursos naturais utilizados nas cadeias produtivas dos países, proporcionalmente às suas populações.

A novidade apresenta a mudança que pode haver no campo do desenvolvimento caso o bem-estar das pessoas e a integridade do planeta sejam, juntas, levadas em conta para determinação do progresso humano. O novo parâmetro foi nomeado como Índice de Desenvolvimento Humano Ajustado às Pressões Planetárias (IDHP).

O Brasil fica na 74ª posição no IDHP. A Noruega lidera a lista com IDH em 0,957, mas ao fazer o ajuste para o IDHP, ela vai para o 16° lugar. Os Estados Unidos regridem 45 posições e a Alemanha, apenas uma. Enquanto países como Costa Rica, Moldávia e Panamá subiram no mínimo 30 posições.

*Com informações de Agência Brasil

Ler esta notícia me deixou:
shares
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?