fbpx

GDF: Secretaria de Educação reabre as inscrições para Educador Social Voluntário

Foto: Divulgaç!ao GDF

As inscrições, que vão até o dia 11 de março. O processo seletivo prevê um total de 5,2 mil novos voluntários.

Até a próxima quarta-feira (11), pessoas interessadas em se inscrever para Educador Social Voluntário (ESV) poderão participar do processo seletivo reaberto nesta sexta (6) pela Secretaria de Educação (SEE). As inscrições devem ser feitas exclusivamente pelo site da secretaria (por hiperlink:www.educadorsocial.se.df.gov.br). Serão abertas 5,2 mil vagas, 658 a mais do que as previstas anteriormente.

O objetivo do programa é selecionar pessoas que auxiliarão o trabalho de professores em atividades de Educação em Tempo Integral na Unidades Escolares, principalmente com alunos que apresentem alguma deficiência física ou mental. Os aprovados trabalharão 4 horas diárias no máximo de março a dezembro e receberão R$ 30,00 (trinta reais) por dia, de auxílio-transporte e alimentação.

Quem teve sua inscrição efetivada no processo anterior, suspenso em razão de problemas no sistema, não precisa fazer novo cadastro. Os voluntários do cadastro reserva de 2019, chamados provisoriamente após a suspensão do processo de janeiro, serão dispensados, mas poderão se inscrever agora.

Cronograma:

Uma vez inscritos, os voluntários passarão por análise de currículo e entrevistas. A documentação exigida, original e cópia, só deverá ser apresentada por ocasião da entrevista de seleção. Cada unidade escolar que aderiu ao programa formará uma Comissão Avaliadora, composta por três membros, responsáveis pela seleção dos voluntários. A Portaria nº 50, que institui o Programa Educador Social Voluntário (ESV) para o ano de 2020, foi publicada no Diário Oficial do DF desta quinta-feira (5/3).

Agenda completa do programa:

• 6 a 11/3: inscrições on-line pelo site
• 12,13 e 16/3: análises curriculares e entrevistas
• 20/3: resultado parcial do processo seletivo
• 23/3: apresentação de recursos na regional de ensino
• 24 e 25/3: análises de recursos
• 27/3: resultado final da seleção, após as 18h
• 30 e 31/3: assinatura do termo de adesão na regional de ensino
• 1º/4: apresentação e início das atividades

Trabalho dos EVSs

Os ESVs irão auxiliar nas atividades do dia a dia das escolas, com suporte à Educação em Tempo Integral, nas turmas onde há estudantes com deficiência e transtorno do espectro autista (TEA), na Educação Infantil (creche e pré-escola), na Escola Meninos e Meninas do Parque (EMMP), na Escola do Parque da Cidade (EPC/PROEM), aos estudantes indígenas e às turmas de correção de fluxo do Programa Atitude, lançado nesta quarta-feira (4/3), para o enfrentamento da distorção idade-ano no Distrito Federal.
A capacitação dos educadores é feita na própria escola pela equipe gestora da unidade com base em orientações passadas pelas unidades de educação básica das regionais de ensino. As atividades ficarão sob orientação e supervisão também da equipe gestora.

Os detalhes podem ser vistos na portaria e nos anexos: publicados no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF).

* Com informações da SEE

Ler esta notícia me deixou:
Open chat
Olá,
Agradecemos o seu contato! Como podemos te ajudar?